Habitantes!

28 de maio de 2009

VLED - Do Paraná para o mundo!

Do Paraná veio a lamentável notícia de que um certo deputado estadual, Fernando Ribas Carli Filho, dirigindo alcoolizado e com carteira de habilitação suspensa, matou dois jovens em um acidente de trânsito. Esse episódio motivou a Secretaria de Segurança Pública daquele Estado a promover o recolhimento, por intermédio da polícia, de 69 mil habilitações que estão suspensas e que não foram devolvidas ao DETRAN, conforme determina a lei. Bom, antes tarde do que nunca!
__

Foto do veículo atingido pelo carro do dep. Fernando Ribas Carli Filho.

_
Agora vejam quanta incoerência. Enquanto essas autoridades dormem (ou bebem) no ponto, pessoas de bem trabalham, desde 2000, na construção e consolidação de um belíssimo programa de ensino de trânsito, chamado VLED – Vendo, Lendo, Escrevendo e Desenhando Sobre o Trânsito. Esse bom exemplo também vem do Paraná, mas parece que o deputado supra citado não é do tipo que se interessa pelo assunto.
_
Hoje o trabalho do VLED extrapola as fronteiras de seu Estado e atua em diversas outras unidades da federação. Essa iniciativa merece todo nosso reconhecimento, principalmente porque educar é ato raro atualmente. Depois, dirigir é uma arma letal quendo posta em mãos despreparadas.
_
O pior é que essa arma mata pessoas inocentes também. Por isso disse em um post anterior (Livre para estar junto) que temos que pensar no outro antes de sair por ai fazendo o que se bem entende. Quer beber, beba. É uma sua. Mas dirigir depois deixa de ser uma problema só seu e põe em risco a vida de outras pessoas - que querem viver!
_
_
No site do VLED, estão disponíveis materias didáticos que promovem o ensino de trânsito em escolas. Bruno Peres, colaborador aqui do meu Mundo, foi quem me apresentou esse projeto. Ele é membro o VLED e também atua nos filmes produzidos pela entidade.
_ _
Nem tudo está perdido. Já disse no “Juntos chegaremos lá” e repito aqui: é bom não se sentir só! Ainda existem pessoas inconformadas com o que assistem na TV, pessoas engajadas na promoção do bem comum e, sobretudo, pessoas que acreditam em pessoas. Se cada um de nós seguir fazendo nossa parte, podemos não mudar o mundo, mas certamente faremos diferença nele.

3 comentários:

Bruno Peres disse...

Amiga Thaís, adorei o post, ficou otimo mesmo e muito obrigado por ter o escolhido, essa parceria vai dar muito certo beijooos

Thaís Gomes disse...

Já está dando certo, amigo! Beijo

Anônimo disse...

Poucas vezes torço para uma pessoa morrer... até feio falar isso... mas dirigir a 190 km/h e achar que pode parar a qualquer hora e achar tambem que nada vai acontecer ... tenha dó... merece morrer mesmo... tenho muito dó das maes desses dois que morreram... temos que rever duas coisas... primeira..essa lei de deputado ter forum privilegiado é demais...e outro codigo de transito...devia perder a carteira para o resto da vida